10 DICAS PARA MINIMIZAR A PROCRASTINAÇÃO

Procrastinar significa retardar, adiar, postergar, deixar para depois ou para mais tarde alguma atividade. Quem nunca deixou para começar amanhã a dieta, o exercício físico, os estudos, a leitura de um livro, o inicio de um projeto e etc?

Procrastinar faz parte da vida e em algumas doses é saudável. Quando o ato traz prejuízos, alerta! Em alguns casos, podem ser reflexo do excesso de atividade, estresse, sintomas de ansiedade ou depressão. Também a falta de clareza e incoerência de objetivos colaboram para a procrastinação.

Para as atividades que você não gosta de fazer, busque pesquisar novas formas e ideias para deixa-la mais interessante. Tenha sempre em mente aonde você quer chegar e se possível, visualize a chegada. Uma forma de gerar emoções positivas e energia para se manter na atividade.

Ficar no papel de vítima após a procrastinação é potencializar este comportamento. Ao invés de se culpar, assuma a responsabilidade e aja. Busque novas formas para se reinventar.

Em alguns casos a procrastinação é reflexo do perfeccionismo, insegurança, ansiedade, comportamento autossabotador e visão imediatista. Negar as etapas de um processo – o “passo a passo”, possivelmente te trará ao ato de procrastinar.

É preciso entender que na vida temos que fazer coisas que gostamos e não gostamos. Nas que não gostamos é possível usar a criatividade e tornar a atividade menos sofrida, mais prática e às vezes divertida. Se quiser enrolar, que a enrolação seja produtiva.

Ao enfrentar o comportamento procrastinado, você sentirá a sensação de bem estar e gratificação. Inserindo a atividade como rotina, outras procrastinações surgirão. Ou seja, não é possível “zerar” esse comportamento e sim minimiza-lo.

Segue 10 sugestões para diminuir a procrastinação:

– Não espere o momento perfeito para fazer algo, pois não existe;
– Tenha objetivos e metas realistas e sensatas;
– Faça um cronograma das suas atividades semanais e liste as atividades diárias. Não dê muito espaço de execução entre elas, pois é uma armadilha para procrastinar.
– Entre as tarefas insira intervalos regulares para recarregar a energia, pois a concentração por um longo período pode se tornar improdutivo;
– Crie prazos e busque cumpri-los;
-Estabeleça recompensas para a conclusão das atividades semanais. Preferencialmente, que não envolvam dinheiro;
– Comemore as pequenas vitórias;
– Não desista por pouco. Se na semana não deu certo. Analise os pontos a melhorar e crie estratégias;
– Pense situações do passado em que você teve sucesso ao superar obstáculos. Qual foi a sensação? Como se sentiu?;
– Busque ter disciplina e foco nas áreas da vida;

Não esqueça se você fizer as mesmas coisas terá os mesmos resultados!

Ótima semana.

Excelente reflexão e ação.

Um beijo,

Duvidas? janaina@janainaleao.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *